Resumo do Livro – O Guarani

Você já ouviu falar nessa obra de José de Alencar? Quer saber tudo sobre “O Guarani”? Então leia abaixo.

O Enredo de “O Guarani”

Dom Antônio de Mariz era um fidalgo português que possuía uma fazenda no interior do Rio de Janeiro por volta do ano de 1600.


Na fazenda ele mora com sua família que é composta por: sua esposa (dona Lauriana), o filho (Dom Diogo de Mariz), sua filha (dona Cecília) e sua sobrinha (dona Isabel).

Na verdade Isabel era uma filha bastarda de Antônio. Além disso, ele possuía muitos funcionários que são importantes na história.

A fazenda de Antônio servia de abrigo para muitas pessoas. Desde nobres portugueses até mercenários. Já no primeiro capítulo de “O Guarani” somos apresentados ao índio Peri.  

Durante uma caçada, Dom Diogo acaba matando uma índia e como vingança os índios tentam matar Cecília. No entanto ela é salva pelo índio Peri.

O Vilão

Depois disso é apresentado o grande vilão da história. Loredano, um dos empregados da fazenda,  tinha como objetivo conseguir ficar com uma mina de prata que ficava embaixo da casa e para isso ele iria queimar a residência ou então sequestrar Cecília.

Ele e seus comparsas planejavam sua estratégia quando foram ouvidos por Peri. O índio apesar de amar Cecília ou Ceci como eles costumavam chamá-la, não era mais querido por Lauriana, mãe dela.

Mas diante do iminente ataque que a família poderia receber ela passou a aceitar sua presença como forma de proteger sua filha.

Durante todos esses problemas, há  outra história de amor no livro. Isabel é apaixonada por Álvaro capataz de Antônio. No entanto ele somente tinha olhos para Cecília.

O incêndio que era planejado por Loredano é evitado por Peri.  No entanto Lordano nega se entregar e inicia-se uma batalha entre os funcionários leais ao Antônio e aqueles que eram considerados traidores. Não bastava isso, os índios sedentos por vingança também resolvem atacar a casa de Antônio.

Resumo do Livro O GuaraniO Plano

Para derrotar os índios, Peri cria um plano em que ele colocaria sua própria vida em jogo. Um plano heroico, sem dúvidas.

Ele resolve colocar veneno na água que os índios beberiam e ele mesmo bebe a água envenenada.  Depois ele luta bravamente contra os índios, pois sabia que se eles o considerassem valente fariam o ritual de antropofagia e comeriam sua carne envenenada.

Bem no meio do ritual aparece Álvaro e liberta Peri. Cecília havia descoberto o plano de Peri e pediu para que Álvaro o salvasse.  A moça pede para que Peri sobreviva e para isso ele toma um chá com ervas que anula o efeito do veneno.

Enquanto isso Loredano é queimado em uma fogueira.  A essas alturas Álvaro já havia esquecido sua paixão por Cecília e já estava interessado em Isabel.

Só que esse romance nunca pode acontecer de verdade. Álvaro sai em busca de mantimentos e é morto. Quando o seu corpo é entregue a Isabel ela se fecha em um quarto junto com ele e se envenena para morrer abraçada com o seu amado.

O Fim

Antônio pede que Peri fuja com Cecília para salvar a vida de sua filha. Assim que eles fogem Antônio explode sua casa matando a todos que estavam dentro dela.

Ceci estava embriagada devido a um vinho que seu pai havia lhe dado e fica surpresa quando Peri lhe conta o ocorrido. Os dois resolvem viver juntos na mata.

Uma forte tempestade atinge o casal e há uma grande inundação. Por isso Peri arranca a folha de uma palmeira e a usa como se fosse uma canoa.  E é assim que termina a história.

Essa é sem dúvidas uma das grandes obras de José de Alencar que conseguir criar um universo que representou muito bem como era o Brasil na época.

Onde comprar?

Você já leu “O Guarani”? O que achou da obra? Responda nos comentários.

O que você acha do livro "O Guarani"?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Deixe um comentário!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.